5 de jan de 2014

Resenha - Filme: Stuck in Love

Foto: Flickr.com

"Eu lembro que doía, olhando sua dor."


Hey! Tudo bem? A frase que abre esse filme nos deixa com o gostinho de que será um filme cheio de quotes e reflexões, nos surpreende no desenrolar da história.

Pra quem não conhece, o filme é estrelado pela Lilly Collins e Logan Lerman e muitos foram atrás do filme por ver este gif (como eu):




 E aí, se deliciam com um filme que é maravilhoso do ínício ao fim.

Filme: Ligados pelo amor (no Brasil)
Título Original:  Stuck In Love
Duração: 1h37 minutos
Diretor: Josh Boone
País: EUA


Primeiramente, devo dizer que estou apaixonada pelos personagens e cenários e momentos que o filme proporcionou.
Ao longo do filme, a minha vontade escrever aflorou. A vontade de escrever um livro, uma crônica, um fanfic foi imensa. A cada fala dos personagens eu amava ainda mais a autora/roteirista, porque em tudo havia uma citação. E descreveu sentimentos de uma forma tão natural que eu fiquei abobada.


Meu casal preferido foi o do Rusty com a Kate, mas a Samantha (Lily Collins) e Louis (Logan Lerman) me conquistaram de uma forma única. O jeito como os dois se entrelaçam é lindo. E ele se chama Louis, gamei nisso. E por causa dele, estou escutando Elliot Smith. "Between the Bars" é uma música maravilhosa. E o jeito da Samantha de não se envolver para não se machucar e ai aparece o Louis e ela fica meio "ameaçada" é muito incrível.


Foto: Flickr
Acho que o filme não ficou muito conhecido, por não te um clímax centrado ou então por falta de divulgação, o que foi uma pena.
Eu realmente amei o filme e não tem muito o que falar. Meu personagem favorito foi o irmão da principal, o Rusty, e pasmem, ele era aquele menino da The Naked Brothers Band, Nat Wolf. Babava nele e nesse filme eu quase me apaixonei.


Acho que não tem mais o que falar. Eu realmente gostei, e para quem escreve, esse filme é uma bela inspiração. Cada intriga, cada beijo te faz querer mais. E eu acho que o filme foi muito curto porque do mesmo jeito que eu não me envolvi tanto com os personagens, eu já sinto falta.



Foto: Flickr
O final foi meio incompleto, eu achei, porque não mostrou o que aconteceu com a Kate e tudo mais. Mas ele se tornou meu filme favorito e eu tenho o maior amor por ele e realmente indico. Espero que eu tenha ajudado e se quiserem resenha de algum filme em especial, peça aqui nos comentários. 

Você pode ver o filme online por aqui, porém acho que a legenda tem alguns erros, porém dá para acompanhar.

PRIMEIRO POST DO ANO!! Feliz Ano novo a todos e que vocês tenham tudo o que precisem e queiram. Beijo a todos e fiquem com o trailer. 



9 comentários:

  1. Linda só quero avisar que vou parar de seguir o seu blog, porque eu vou excluir o meu :/

    ResponderExcluir
  2. o que aconteceu com a Kate na noite em que acharam ela no quarto .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. provavelmente ela foi drogada e estrupada pelo cara que estava junto com ela

      Excluir
    2. Boa pergunta aff vey oq leva um kara fazer ums filme sem pe sem cabeça pq n acabou tudo massa no final

      Excluir
  3. O filme é maravilhoso. Me apaixonei por "Between the bars" , que tb faz parte da trilha sonora do filme Gênio Indomável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mentira! Eu sou apaixonada por essa música, tenho até no celular!

      Excluir
  4. Hey! Adorei essa resenha e outra sobre Love, Rose que você escreveu. Você é realmente boa em persuadir para assistir também! hahaha Tanto que já quero assisti esse.

    Beijos!
    www.salmeida.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelos elogios! Espero continuar fazendo pessoas irem assistir bons filmes hahaha Beijos!

      Excluir
  5. Eu não consigo entender o motivo de Rusty terminar com Kate, já que ela estava provavelmente bêbada ou drogada, além de poder ter sido estuprada, acho que poderia ter uma breve explicação de como ficou a relação deles já que ele a chamou pra almoçar na ação de graças

    ResponderExcluir